domingo, 7 de novembro de 2010

CARACTERISTICA DA ESCRITA E DA LEITURA - SULÁBICO

NÍVEL SILÁBICO
Quando a criança sai do nível pré-silábico e entra no nível silábico, ela deixa de apoiar-se em idéias de “aspectos figurativos” do referente à palavra que o representa, ou seja, cada palavra é sempre escrita com as mesmas letras; começa a ver que tudo que se diz se escreve.
Neste nível, a criança encontra uma nova formula para entrar no mundo da escrita, descobrindo que pode escrever uma letra para cada sílaba da palavra e uma letra por palavra na frase.
CARACTERÍSTICA DA ESCRITA E DA LEITURA

  •  A vinculação entre escrita e pronúncia – parte do que se fala corresponde à parte da escrita. A criança trabalha com a hipótese de que a escrita representa partes sonoras da fala.
  •  Correspondência quantitativa de sílabas orais – uma letra para cada sílaba na palavra, uma letra para cada palavra na frase ou uma letra por sílaba oral também na frase. Há crianças que não escrevem nada para verbos.
  • Tudo que se diz se escreve.
  •  Tentativa de dar um valor sonoro a cada uma das letras que compõem uma escrita.
  •  Podem desaparecer momentaneamente as exigências de variedade e de quantidade mínima de caracteres.
  •  Conflito cognitivo entre as exigências de quantidade mínima e a escrita silábica de palavras dissílabas e monossílabas.
  •  A criança busca sempre as unidades menores que compõem a totalidade que tenta representar por escrito.
  •  Leitura e escrita começam e ser vistas como duas ações com certo tipo de interligação coerente.
  •  As crianças podem estar num nível na escrita e em outro na leitura.
TRABALHANDO COM PALAVRAS

As crianças já começam a vincular a fala à escrita, por isso são exploradas as vinculações sonoras – a divisão das palavras em tantas letras quantas forem suas sílabas orais.
Quando se tornam silábicas, associam uma letra para cada sílaba.

TRABALHANDO COM TEXTOS
  • É muito importante o trabalho com leitura de histórias infantis.
  • Histórias poderão surgir desenhos e dos desenhos possíveis histórias.
  • O trabalho com diferentes textos, parlendas, músicas, poesias, entre outros, propicia no nível silábico um trabalho fecundo com rimas, análises sonoras de palavras, remontagem de texto com frases fatiadas ou fatiadas em palavras.
  • O reconto e a reescrita também estará entre as inúmeras atividades didáticas deste nível.
ATIVIDADES QUE ENVOLVAM FRASES E TEXTOS PARA FACILITAR O DISCURSO ORAL E TEXTO ESCRITO
  •  Elaborar textos coletivos;
  •  Transcrição de contos e brincadeiras, histórias inventadas pelas crianças,
  •  Reconto e reescrita de histórias;
  •  Leitura de poesias, músicas, parlendas, histórias e outros textos significativos e previamente memorizados;
TRABALHANDO COM LETRAS, PALAVRAS E TEXTOS

  •  Análise sonora sobre as iniciais dos nomes próprios e palavras significativas;
  •  Desmembramento oral dos nomes e das palavras em sílabas (pedacinhos); pronúncia pausada das palavras, solicitando-se aos alunos que contem os pedacinhos.
  •  Classificação de palavras com o mesmo número de sílabas (pedacinhos) que iniciam com a mesma letra;
  •  Completar lacunas em textos e palavras;
  •  Jogos variados com imagens e letras iniciais, com imagens e palavras;
  •  Dicionário ilustrado com desenhos ou gravuras e escrita dos respectivos nomes do jeito de criança;
  •  Auto-ditado, listas, escritas espontâneas diversas;
  •  Ditado de palavras e frases para diagnóstico do nível conceitual dos alunos;
  • Ditado feito pelos próprios alunos, cada um falando uma palavra;
  •  Ditado com imagem para os alunos escreverem apenas a letra inicial;
  •  Ditado para si mesmo; os alunos pensam o seu próprio ditado e após a atividade o professor ouve o que cada alunos quis escrever;
  •  Ditado para o professor; os alunos ditam palavras ou frases para o professor escrever no quadro negro e ainda ditam como deve escrevê-las, depois de escrever nas versões dos alunos o professor mostra como é escrito nos livros;
  •  Colocar letras em ordem alfabética;
  •  Montar com alfabeto móvel nomes e palavras livremente;
  •  Construir conjuntos de nomes e palavras para cada letra do alfabeto; expor na sala;
  •  Completar palavras com a primeira letra (usar o alfabeto móvel);
  •  Contar o número de palavras de cada frase;














Nenhum comentário:

Postar um comentário